O poder da estampa geométrica: leve mais alegria para a decoração

Descubra como a estampa geométrica tem sido adotada na decoração e confira as melhores dicas para aproveitar essa ideia em um projeto!

A decoração pode fazer a diferença em um ambiente e mesmo as pequenas mudanças servem para transformá-lo completamente. Neste sentido, um dos elementos que podem fazer parte da composição é a estampa geométrica.

Sendo ela um padrão que utiliza formas básicas e elementos como linhas, ângulos e até algumas curvas. Das listras a padrões mais elaborados, não faltam alternativas para compor os espaços.

A seguir, veja como a estampa geométrica tem sido adotada na decoração ao longo do tempo e confira as melhores dicas para aplicá-la em seus projetos!

História da geometria na decoração

As formas geométricas fazem parte da percepção humana desde os primórdios. Nas pinturas rupestres feitas em cavernas, por exemplo, observamos a utilização de muitos desses elementos para representar o mundo ao redor.

Com a arquitetura, a presença dessas formas surgiu de maneira diferente ao longo dos anos. Veja uma lista que representa a linha do tempo com alguns exemplos do uso dessas formas:

  • Império Romano: aquedutos misturavam os arcos clássicos às linhas retas;
  • Grécia Antiga: as colunas e a simetria davam o tom;
  • Séculos XVIII e XIX: o estilo gótico se baseava em ângulos retos e de aspecto intenso. 
  • Século XX: o Art Déco resgata a estampa geométrica de uma forma diferente, assim como fez a Escola Bauhaus.

Desde então, esse elemento faz parte de decorações clássicas, minimalistas, modernas, retrô e assim por diante.

Uso das formas na decoração

Estampa geométrica aplicada em design moderno com curvas de uma galeria.

A decoração com estampa geométrica tem funções que vão além da estética. É possível adotar alguns elementos com o intuito de transmitir sensações diferentes nos cômodos e até aumentar a valorização dos projetos.

O uso de linhas verticais dá a impressão de um cômodo mais alto, o que ajuda na sensação de amplitude. Já as linhas horizontais fazem o ambiente parecer mais largo ou profundo, brincando com a percepção da visão.

Enquanto isso, linhas sinuosas dão a sensação de movimento com ângulos que podem ser usados para destacar elementos de interesse.

Créditos da imagem: Galeria de Óculos de Luxo – Arquitetura: Daniela Colnaghi; Fotografia: Celina Germer e Martin Gurfein.

Dicas para aplicar estampa geométrica

É possível adotar as estampas geométricas em diferentes ambientes e propostas. No entanto, vale a pena saber como usar a geometria de forma harmônica, já que isso tem grande impacto no resultado.

A seguir, veja algumas dicas imprescindíveis que separamos para você! 

Aposte no uso do padrão em revestimentos das paredes

As paredes têm grande impacto no visual de um ambiente e podem dar destaque para a estampa escolhida. Nesse caso, é possível investir tanto em uma versão monocromática como colorida, com revestimentos de uma ou mais cores.

Também há diversas padronagens para aproveitar como chevron, favo de mel, espinha de peixe, linhas, listras e assim por diante.

Estampa geométrica aplicada em uma parede de uma sala decorada em tons de cinza.

Para alcançar os resultados desejados, é possível usar papéis de parede, azulejos, pastilhas ou ripados dispostos de maneiras distintas.

Trabalhe os tipos de paginação no piso

O piso também pode receber a estampa geométrica de formas criativas. O mais comum é escolher um revestimento estampado e trabalhar a paginação. Ou seja, pensar em como as peças serão dispostas, em busca de formar um desenho específico.

Se quiser algo tradicional, pode investir em uma paginação alinhada, que dá origem a elementos que se repetem. Já, se quiser algo moderno, uma paginação aleatória origina composições únicas.

Invista em elementos geométricos na mobília

Apesar de não se tratar da estampa, propriamente dita, os móveis também podem ser escolhidos com base no estilo geométrico. Uma mesa redonda com cadeiras arredondadas, por exemplo, aproveita a ideia sinuosa. Já uma estante de ângulos agudos ou mesmo nichos quadrados exploram o potencial retilíneo.

Elementos geométricos aplicados nos objetos de uma cozinha decorada em tons de amarelo e branco.

Nesse caso, peças com design arrojado costumam atender à proposta de geometria. Inclusive, podem ser combinadas a elementos estampados com padrões desse tipo, o que cria ainda mais harmonia aos espaços.

Recorra a itens decorativos

Além de tudo, você pode utilizar itens decorativos com padronagens para dar um toque diferente ao espaço. Tapetes, almofadas, cortinas e mantas são alguns exemplos que seguem essa proposta.

Essas são peças de fácil substituição, então é possível combiná-las com elementos definitivos — como revestimentos — e alternar padronagens para deixar o visual mais dinâmico.

A estampa geométrica é uma alternativa muito utilizada e diversificada para a decoração. Com a escolha dos elementos certos e a composição desses componentes, é possível criar algo interessante e, até mesmo, valorizar os ambientes.


Quer mais sugestões, como essas, para aplicar em seu cotidiano? Siga nossas redes sociais! Estamos no Pinterest, Facebook, Instagram, Youtube, Twitter e LinkedIn.

09/11/2020

    SUSTENTABILIDADE POR PRINCÍPIO

  • Santa Luzia - Green Building Council
  • Santa Luzia - Green Building Council Brasil
  • Santa Luzia - RGMat